Campinas, 30 de Novembro de 2020
COVID19 E AS GESTANTES
06/04/2020
Aumentar fonte Diminuir fonte
OPROJETO

Esperar um beb j , por si s, um motivo importante para que se tome mais cuidado com a sade feminina. Agora com a pandemia do coronavrus, muitas gestantes e mulheres que deram luz recentemente preocupam-se com os riscos que a nova doena pode trazer aos bebs e a elas mesmas. Diferente de outras doenas, at o momento as gestantes no foram includas nos grupos de risco da Covid-19. Porm, como este tipo de coronavrus que est em circulao ainda uma novidade para a medicina, necessria a ateno aos efeitos imediatos e de longo prazo que ele pode causar em diversos grupos populacionais.

O projeto est sendo finalizado para ser posto em prtica e uma iniciativa do Grupo de Pesquisa em Morbidade Materna Grave da Unicamp do qual fazem parte os professores Rodolfo de Carvalho Pacagnella, Maria Laura Costa do Nascimento, Jos Guilherme Cecatti, Giuliane Jesus Lajos, alm do aluno de ps-doutorado Renato Teixeira Souza e de alunos de doutorado, mestrado e graduao.

Os dados sero obtidos em algumas instituies de uma rede integrada de cerca de 30 hospitais e centros de pesquisa do pas que fazem parte daRede Brasileira de Estudos em Sade Materna e Perinatal, da qual o Caism coordenador. Com o trabalho executado em rede, ser possvel oferecer s autoridades de sade, rgos que trabalham com a elaborao de polticas pblicas e tambm a pesquisadores um retrato de como as gestantes do pas vivenciaram a pandemia do coronavrus. Segundo Rodolfo Pacagnella, existe ainda a possibilidade de a pesquisa ser estendida a outros pases da Amrica Latina por meio doCentro Latino Americano de Perinatologia, Sade da Mulher e Reprodutiva, rgo ligado Organizao Mundial da Sade (OMS).

Estudo realizado em trs frentes

Rodolfo explica que a iniciativa de dar incio ao estudo surgiu a partir do receio de que, por no estarem includas nos grupos de risco da Covid-19, as gestantes pudessem sofrer efeitos ligados a doena que passassem despercebidos. "Ao que parece, diferente do que aconteceu com o H1N1, as gestantes no so grupo de risco de maior mortalidade pelo coronavrus. Mas pode ser que aquelas que apresentam algum tipo de complicao na gravidez, como sndromes hipertensivas e diabetes, tenham um risco maior de complicao por causa da infeco pelo vrus", analisa o professor.

Na busca por uma abordagem integrada, a pesquisa dever se concentrar em trs aspectos principais. Nos primeiros trs meses, perodo em que as autoridades de sade preveem o pico da pandemia no pas, o estudo vai mapear a prevalncia do coronavrus na populao gestante, verificando quantas mulheres apresentam a doena, se elas integram algum grupo de risco devido a outros fatores, entre outros aspectos. Outra frente de anlise ser dedicada s pacientes que forem diagnosticadas com a Covid-19. Com elas, ser feito um acompanhamento de toda a gravidez at o parto, para identificar possveis complicaes que a doena possa trazer gestao e sade feminina.

  Última edição  
  Edição 140 - 28/11/2020 - Clique para ler  
2020 - Jornal Alto Taquaral - CG Propaganda