Campinas, 29 de Fevereiro de 2020
ETEC CAMPINAS X CO2
17/01/2020
Aumentar fonte Diminuir fonte

Estudantes de Etec de Campinas fazem experincia para reduzir CO2 da atmosfera

Experimento de alunos do curso tcnico de Biotecnologia de Campinas utiliza microalgas marinhas para absorver gs carbnico


O processo acelerado da emisso de dixido de carbono (CO2) na atmosfera e o consequente aumento do aquecimento global sensibilizaram alunos do curso tcnico de Biotecnologia da Escola Tcnica Estadual (Etec) Conselheiro Antnio Prado, de Campinas, que resolveram pesquisar o tema e propor alternativas para o problema. O projeto conquistou o primeiro lugar no prmio Inovar, promovido pela Rhodia Solvay, em dezembro de 2019.

Segundo relatrio daAdministrao Ocenica e Atmosfrica Nacional dos Estados Unidos (NOAA), a emisso de CO2cresce h sete anos consecutivos e isso contribui para a elevao do aquecimento global em nveis crticos. O Trabalho de Concluso de Curso (TCC) dos estudantes Jade Nobre e Vinicius Andrade, que concluram o cursono ltimo semestre, um biorreator para criao controlada de organismos vivos – microalgas marinhas da regio de Bertioga que, para crescerem, absorvem o gs carbnico da atmosfera.

As microalgas marinhas foram imersas numa soluo de hidrxido de clcio e acomodadas no biorreator. Aps um perodo de duas semanas, as reaes biolgicas das microalgas geraram uma cultura capaz de fazer a fotossntese, por meio da captura de CO2e liberao de oxignio limpo no ambiente.

A professora e orientadora do TCC, Michele Machado, afirma que os testes demonstraram que a instalao de pequenos biorreatores com microalgas em escritrios e salas de aula, por exemplo, pode reduzir o CO2e proporcionar mais concentrao e relaxamento para as pessoas. A educadora ressalta, no entanto, que os resultados so preliminares e precisam continuar sendo testados.

Fotossntese

"Podemos fazer uma analogia dessa experincia com a capacidade de fotossntese das plantas. O biorreator realiza o mesmo processo, mas os testes comprovaram que esse sistema mais rpido e eficiente para capturar dixido de carbono que a absoro realizada pelas plantas", explica Michele.

Segundo a orientadora do trabalho, a participao dos estudantes no Inovar proporcionou um contato estreito entre os alunos e a indstria, que gerou motivao e crescimento profissional e pessoal dupla.

Estudantes do curso tcnico de Meio Ambiente, tambm da Etecap, desenvolveram um projeto de absorvente descartvel biodegradvel, sob orientao da professora Erica Gayego Belo Figueiredo, e ficaram com a segunda colocao na mesma edio do prmio Inovar.
  Última edição  
  Edição 126 - 15/06/2019 - Clique para ler  
2020 - Jornal Alto Taquaral - CG Propaganda